Seja muito bem vindo!!!

Prezado(a) visitante:
É com muito prazer que recebo sua visita no Blog Avaliação Física em Foco. Meu objetivo com este espaço é disponibilizar textos, artigos e protocolos que são utilizados nas ciências da atividade física como ferramentas para a utilização dos mais diversos leitores como: profissionais e estudantes de Educação Física, profissionais e estudantes da área da saúde, amantes do esporte, leitores que desejam melhorar sua performance, enfim, a todos os amantes da valiosa ferramenta chamada Avaliação Física que nos serve como fonte de diagnóstico e agente norteador para a excelência na prescrição do exercício.

Aproveito para convidar a todos os profissionais que desejam publicar suas colaborações a participarem da forma que quiserem. Façam comentários, críticas, sugestões e claro, o espaço esta aberto para colocarem seus próprios textos para enriquecer cada vez mais este espaço.

Grande abraço!!!

Prof. Ms. Diogo Pantaleão

sábado, 11 de junho de 2011

Teste de agilidade

Teste de Agilidade – Teste do quadrado (PROESP-BR, 2009)

Teste indicado à crianças e adolescentes.

Material: um cronômetro, um quadrado desenhado em solo antiderrapante com 4m de lado, 4 cones de 50 cm de altura ou 4 garrafas de refrigerante de 2 L do tipo PET1.
Orientação: O aluno parte da posição de pé, com um pé avançado à frente imediatamente atrás da linha de partida. Ao sinal do avaliador, deverá deslocarse até o próximo cone em direção diagonal. Na seqüência, corre em direção ao cone à sua esquerda e depois se desloca para o cone em diagonal (atravessa o quadrado em diagonal). Finalmente, corre em direção ao último cone, que corresponde ao ponto de partida. O aluno deverá tocar com uma das mãos cada um dos cones que demarcam o percurso. O cronômetro deverá ser acionado pelo avaliador no momento em que o avaliado realizar o primeiro passo tocando com o pé o interior do quadrado. Serão realizadas duas tentativas, sendo registrado o melhor tempo de execução.
Anotação: A medida será registrada em segundos e centésimos de segundo (duas casas após a vírgula).

1-  Testes de fidedignidade foram realizados com garrafas do tipo PET em relação aos cones de 50cm tendo sido encontrado índices de correlação intra-classe 0,93.

Na próxima postagem uma tabela de classificação para o teste.

Estou muito grato com sua visita que é sempre especial, grande abraço!!!

Por favor cliquem nos anúncios do Blog pois eles ajudam na manutenção. É só clicar e deixar abrir, nada mais!!!

4 comentários:

  1. Comecei a fazer ao meu filho de 10 anos e já vi progressos na agilidade dele. O tempo dele também já desceu um pouco mas até ao excelente ainda vai ter de treinar muito. O último resultado foi de 6,36 segundos...
    Queria fazer uma pergunta: quanto mais alto é o miúdo mais difícil se torna de fazer o teste? Até porque os pinos são de 50cm e para um puto muito alto tem de se baixar mais. Já para não falar no centro de gravidade!!! Se for alto ganha na passada, tem as pernas maiores mas terá de ter mais força para arrancar ou mudar de direcção. Gostava de ver uma relação entre a altura, peso (para relacionar com a massa muscular) e os tempos....

    ResponderExcluir
  2. Já fiz uma página no blog para ir fazendo as avaliações destes e outros testes que vou encontrando. O blog é: http://vascomartins2001.blogspot.com/
    Caso tenha mais teste adequados aos miúdos de 10 anos agradeço que me envie.
    Muito obrigado.

    ResponderExcluir
  3. Olá Mário,
    Teoricamente não deve fazer diferença a altura do avaliado, até porque existem vantagens e desvantagens como você mesmo citou. Não conheço qualquer artigo que faça esta relação, até porque as variáveis que intervenientes seriam inúmeras como as antropométricas (massa corporal, estatura, tamanho de membros etc), maturacionais (maturador precoce, normal e tardio) e motivacionais.
    Se precisar de algo mais fique a vontade de me enviar um e-mail: diogoptl@ig.com.br
    Grande abraço e obrigado pela visita!

    ResponderExcluir
  4. Obrigado eu e parabéns pelo excelente trabalho... o desporto precisa de pessoal assim para evoluir!

    ResponderExcluir